5 de março de 2009

sentimentésimo de segundo

poucas palavras me dão idéia de todo
como azul me dá
não sei se pelo z já vizinho ao a
ou se pelo ul sem final
recobrindo em eco
silêncio
pode também ser
pela semelhança de traços com a palavra irmã asa
(tão cheia de infinitos)
interessante que eco signifique casa
pausa
poucas palavras se aparentam ao que são
a palavra vôo era mais bonita antes da reforma
trazia nela um passarinho batendo asa bem perto
e um segundo batendo asa no alto mais longe

interessante a ecologia não tratar dessas coisas
por que não selecionar logo tudo?
...que esse texto nasceu por espaços preenchidos de azul

2 comentários:

Leila Saads disse...

Lindo!
E o que falou sobre o vôo é tão verdadeiro! Sugiro montarmos uma resitência;)
=*

Amanda Santiago disse...

brilhante... tocante e inovador, como sempre adoro ler em tuas poesias...bjo